Buscar
  • Marco Turrini

Quais os benefícios do treino funcional em relação à musculação e hipertrofia?

Enquanto grande parte das máquinas da musculação trabalha os músculos de maneira mais isolada, o treinamento funcional prioriza exercícios que trabalham vários grupos musculares ao mesmo tempo. Isso permite um fortalecimento global do corpo em uma única sessão de treino (o que economiza tempo e garante benefícios à saúde com menos idas à academia). "Com o treino funcional, com três treinos semanais é possível garantir o fortalecimento do corpo de forma integrada e não ocorram desequilíbrios. Já a musculação, por geralmente trabalhar segmentos do corpo a cada treino (um dia pernas e ombros, outro costas e tríceps, outro de peito e bíceps, por exemplo), geralmente tem um planejamento que necessita de quatro a cinco treinos semanais.

No treino funcional muitas aulas são realizadas em circuito, o que torna a atividade dinâmica e evita que o treino se torne monótono. Além disso, o treino funcional pode ser feito individualmente ou em grupo, e treinos coletivos sempre costumam gerar uma motivação extra, já que um aluno incentiva o outro e cria-se um compromisso com os colegas, evitando faltas no treino.


O treinamento funcional também gera hipertrofia pois assim como a musculação, o treinamento funcional permite trabalhar com carga e volume de repetições, quesitos básicos para estimular a construção muscular e o ganho de massa. "A hipertrofia depende da forma como o treino é programado. E é possível desenvolver um treinamento funcional com pesos visando o desenvolvimento da massa muscular e da força, e ainda ganhar função por se tratar de um trabalho livre.

Prof. Marco Turrini

CREF:125340G/SP



8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo